Específico Futsal

Logo dos Jogos

30ª Edição dos Jogos da Juventude Adventista

Regulamento específico do Futsal

Artigo 1º      Este regulamento está submisso a todas as especificações do Regulamento Específico da modalidade de Futsal desta Competição.

Artigo 2º      Este regulamento tem como base as orientações das Regras Internacionais da Modalidade. No entanto, com algumas adaptações que se fazem necessárias em virtude de aspectos diferenciados e específicos.

 Artigo 3º     O número de substituições fica a critério das equipes e em qualquer momento da partida, assim como acontece em partidas oficiais, respeitando a zona reservada para isso, sendo desnecessária a comunicação ao árbitro.

Do Sistema de Classificação

Artigo 4º       Para efeito de classificação na 1ª fase será contado os pontos da seguinte forma:

  1. Vitória no jogo 3 pontos.
  2. Empate 1 ponto.
  3. Derrota 0 ponto.

Artigo 5º      Os dois melhores classificados de cada grupo passarão para a fase seguinte, dependendo da quantidade de grupo.

Em caso de empate na fase classificatória os critérios para classificação são:

  1. Maior número de vitórias;
  2. Maior saldo de gols ou pontos;
  3. Maior número de gols ou pontos marcados;
  4. Equipe mais disciplinada (menor número de cartões amarelos e vermelhos).

Parágrafo único: Em caso de empate na fase eliminatória, as equipes serão submetidas a 3 cobranças de pênaltis alternadamente.

Das Faltas acumulativas

Artigo 6º      Na fase classificatória e na 1ª fase eliminatória (mata, mata) a partir da 6ª falta, será cobrado um tiro livre direto de uma marca localizado a 10 m da meta. Nesta fase as faltas são acumulativas e não se renovam de um tempo para outro.

Artigo 7º      Nas fases subsequentes, a partir da 4ª falta será cobrado o tiro livre descrito no artigo anterior, mas que se renovam de um período para outro.

Artigo 8º      Na partida final, o número de faltas cumulativas por período será igual a 4 e a partir da 5ª aplicar-se-á a penalidade da marca dos 10 metros.

Quanto a punição dos Cartões

Artigo 9º       Atletas, técnicos ou responsáveis expulsos com o cartão vermelho ou o segundo cartão amarelo em uma mesma partida, será obrigado a retirada do mesmo da área de jogo e a equipe continuará com um atleta a menos podendo substituí-lo após 2 minutos consecutivos ou até que sua equipe sofra um gol.

Artigo 10º      Os cartões amarelos são cumulativos apenas na fase classificatória renovando-se para a fase eliminatória e para a fase final. Os vermelhos não são renovados.

Art. 11         Reclamações serão punidas com cartão amarelo, pois apenas o capitão tem o direito de pedir explicações a respeito de alguma marcação.

Das Substituições

Art. 12         As substituições serão feitas por um local específico e a qualquer momento da partida e em quantidade ilimitada.

Art. 13         Cada partida não terá uma duração específica, pois dependerá do número de jogos que houver no dia. Mas fica vetado um tempo a baixo de 16 minutos, ou 2 tempos de 8 minutos.